21 de mai de 2010

Quem está mentindo?


“Ao ser reconduzido ao comando da Federação das Associações Comerciais e de Serviços do Rio Grande do Sul (Federasul) e da Associação Comercial de Porto Alegre (ACPA), José Paulo Dornelles Cairoli alertou ontem, durante a sua posse, para a necessidade de retomada do desenvolvimento do RS no cenário econômico nacional. Em cerimônia realizada na Associação Leopoldina Juvenil, ele também defendeu a criação de um ambiente estável "que dê segurança às empresas" e afirmou que os políticos devem separar o que é "agenda política e agenda de Estado", em prol do crescimento regional.

"Por quase todos os ângulos que podemos analisar, observamos indicadores de retrocesso que são intoleráveis para um Estado com grande potencial econômico, com trabalhadores capazes, e com empresários empreendedores", disse Cairoli, lembrando que a participação do Estado no PIB nacional caiu de 7,3% em 2003 para 6,3%. "Precisamos recuperar a liderança sobre o jogo político nacional, para buscarmos os recursos federais que estamos perdendo em razão das rivalidades partidárias e da falta de articulação em Brasília", salientou. Prestigiaram a cerimônia de posse das diretorias e conselhos da Federasul, a governadora Yeda Crusius; a pré-candidata à Presidência da República, Dilma Rousseff, que fizeram pronunciamentos; o pré-candidato ao governo do Estado Tarso Genro e empresários.” Correio do Povo-12/05/2010


&&&&&

Bem, se foram escolhidas uma conjunção de desgraças para des-governar este estado, e parece que a Federasul atuou fortemente para isso, José Cairoli deveria juntamente com os empresários da associação que ele representa pedir desculpas pelas escolhas políticas equivocadas. Tão pouco a Federasul ou nenhum representante dela cobrou sobre as questões de corrupção no estado. Fica parecendo que alguns atores políticos recebem um "PF" pela atuação por interesses da direita local.

PF = por fora. Prática muito comum nas modernas gestões empresariais e visa burlar a lei, pagando menos impostos trabalhistas e melhorando a "gestão". PGQP!!!!

Ou José Cairoli está mentindo, ou Yeda crusius, pois no discurso tucano é como se vivêssemos em Pasárgada.Basta cruzarmos o Mampituba, chegando ao verdadeiro Brasil, para constatarmos que estamos abaixo do cu de cachorro!

Se continuarmos neste caminho torto, restará pouco tempo para nos tornarmos Patrimônio da Unesco, como a Pasárgada lá da antiga Pérsia!

Vou-me embora pra Pasárgada
Lá sou amigo do rei
Lá tenho a mulher que eu quero
Na cama que escolherei


Vou-me embora pra Pasárgada
Vou-me embora pra Pasárgada
Aqui eu não sou feliz
Lá a existência é uma aventura

De tal modo inconseqüente
Que Joana a Louca de Espanha
Rainha e falsa demente
Vem a ser contraparente
Da nora que nunca tive



E como farei ginástica
Andarei de bicicleta
Montarei em burro brabo
Subirei no pau-de-sebo
Tomarei banhos de mar!
E quando estiver cansado
Deito na beira do rio
Mando chamar a mãe-d'água
Pra me contar as histórias
Que no tempo de eu menino
Rosa vinha me contar
Vou-me embora pra Pasárgada



Em Pasárgada tem tudo
É outra civilização
Tem um processo seguro
De impedir a concepção
Tem telefone automático
Tem alcalóide à vontade
Tem prostitutas bonitas
Para a gente namorar



E quando eu estiver mais triste
Mas triste de não ter jeito
Quando de noite me der
Vontade de me matar
— Lá sou amigo do rei —
Terei a mulher que eu quero
Na cama que escolherei
Vou-me embora pra Pasárgada.


Manuel Bandeira

20 de mai de 2010

Protesto em frente a Catedral Metropolitana



A criatura atende ao nome de Dom Dadeus Grings...

Este ser asnático disse algumas frases que expõe sua bestial ignorância e total preconceito.

-“assim como hoje se fala em direitos dos homossexuais, daqui a pouco vão achar os direitos dos pedófilos”.

-"“A sociedade atual, ela é pedófila. Esse que é o problema. Então facilmente as pessoas caem nisso. E o fato de denunciar isso é um bom sinal”.

-“Antigamente não se falava do homossexual. E era discriminado. Quando começaram, ‘olha, eles têm direitos de se manifestar publicamente, daqui a pouco eles vão achar os direitos dos pedófilos, ‘é o direito deles’. Não, isso é crime”.

- “o adolescente é espontaneamente homossexual”.

-“Menino brinca com menino, menina brinca com menina. Só depois, se não houve uma boa orientação, isso se fixa”.

Pois os grupos Nuances e Somos, duas ONGs que tratam do assunto da sexualidade, no dia 19 passado protestaram contra esta besta apocaliptica; Dom Dadeus.

Fotos repassadas pelo grupo Somos.

A CARAPUÇA sugere aos "pastores católicos" o uso de hóstias de capim, para abençoar " mentes privilegiadas"! Uma delas é a do vigário local.

18 de mai de 2010

Mano Brown sobre José Serra


A agricultura familiar


Sábado muito cedo, estive no centro de Porto Alegre, com o intuito de conhecer a Feira Nacional da Agricultura Familiar e Reforma Agrária. Lamentavelmente a feira abria mais tarde e fui até o Mercado Público. Foi um ótimo passeio, já que as ruas estavam vazias.

Achei a Loja da Reforma Agrária. Olhando pelas prateleiras daquela loja, não é difícil de se imaginar o porque de os ruralistas desejarem o fim do Ministério do Desenvolvimento Agrário! A absoluta dor de “corno”, visto que a produção dos produtos ali expostos são oriundos de assentamentos. Só aquela pequena loja coloca por terra todos os argumentos pela não implementação de uma séria reforma agrária no Brasil. Mas para mim, descendente de imigrantes italianos, isso não é nenhuma novidade.

O governo Lula perdeu um largo terreno neste campo. E não estou dizendo que Serra fará muito mais...nós e as pedras do sub-solo do Brasil sabemos o que Serra não fará! Mas sabemos o que Lula deveria ter feito.

Os poderes do MDA deveriam ser ampliados.

A loja fica na Qd.1 lojas 13 e 15 do Mercado Público de Porto Alegre

www.reformaagraria.blog.br

Alguns dados sobre a força da agricultura familiar:
-Brasil
  • 70% do feijão
  • 34% do arroz
  • 87% da mandioca
  • 46% do milho
  • 38% do café
  • 58% do leite
  • 50% de aves
  • 59% de suinos
- RS
  • 378,5 mil unidades familiares
  • 86% dos estabelecimentos rurais
  • 54% do valor bruto da produção gaúcha
  • 81% das pessoas ocupadas no meio rural.
Ou seja:- Fora FARSUL!

11 de mai de 2010

No ar o SUL 21...

Tarso Genro prestigia lançamento do portal SUL21
Amanhã pela manhã, entrará no ar o jornal eletrônoco Sul 21. O lançamento foi no clube náutico Veleiros do Sul.
http://www.sul21.com.br/

9 de mai de 2010

A baixaria na TV




O “Big Brother Brasil 10”, exibido pela TV Globo, foi o programa de TV que mais recebeu denúncias de desrespeito aos direitos humanos na campanha "Quem financia a baixaria é contra a cidadania". O programa lidera o 17º Ranking da Baixaria na TV, divulgado hoje em seminário promovido pela Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara.

Entre agosto de 2009 e abril de 2010, a campanha recebeu 227 denúncias fundamentadas contra o reality . As reclamações tratavam de desrespeito à dignidade da pessoa humana, apelo sexual, exposição de pessoas ao ridículo e nudez.

O 2º lugar do ranking, com 105 denúncias, foi o programa “Pegadinhas picantes”, exibido pelo SBT. Em terceiro lugar ficou o “Pânico na TV”, apresentado pela Rede TV. Figuram no quarto e quinto lugar da lista, respectivamente, os programas regionais “Se liga Bocão”, da Record, e “Bronca Pesada”, do SBT.

Os dados foram apresentados pela representante da Executiva da Campanha pela Ética na TV, Cláudia Cardoso. A campanha "Quem financia a baixaria é contra a cidadania" foi lançada em 2002 pela Comissão de Direitos Humanos e Minorias em parceria com entidades da sociedade civil.

Homofobia e nudez
De acordo com o pesquisador e jornalista Cláudio Ferreira, da TV Câmara, foram registradas diversas reclamações com relação ao Big Brother sobre comportamentos homofóbicos e incitação à violência do participante Marcelo Dourado – que acabou sendo o vencedor da edição.

Para Cláudio Ferreira, a sociedade precisa estar atenta aos reality s. “A televisão, com seus parâmetros comerciais, não vai desistir desse tipo de programa, que custa pouco e rende muito”, afirmou.

Ferreira destacou que, em geral, houve muitas reclamações em relação à exposição exagerada do corpo das pessoas. “Ainda há uma parcela da população que é conservadora em relação a temas relativos a nudez e sexualidade, e a diversidade precisa ser respeitada”, destacou.

A representante da Executiva da Campanha pela Ética na TV Cláudia Cardoso disse que o programa “Pânico na TV”, apesar de figurar em 3º lugar no ranking atual, tem aparecido seguidas vezes na lista dos programas denunciados por desrespeito aos direitos humanos.

“Há desrespeito e tortura. Os trabalhadores são submetidos a situações constrangedoras, como enfiar a cabeça na privada e dar descarga”, afirmou.

Resultados da campanha
Cláudia Cardoso informou que, apesar de ainda haver casos recorrentes, a campanha pela ética na TV já obteve várias conquistas para a sociedade, como mudanças de horários de programas e até cancelamento de contratos de apresentadores. Segundo ela, os pareceres trazem em comum a necessidade de acionar o Ministério Público para a realização de termos de ajustamento de conduta.

Para a representante da campanha, o controle social da mídia também precisa ser transformado em lei. “É um contrassenso que as empresas percam a dimensão do serviço que prestam, principalmente por serem uma concessão pública”, afirmou.

O seminário da Comissão de Direitos Humanos discutiu a diretriz de Comunicação do Programa Nacional de Direitos Humanos (PNDH-3), elaborado pelo governo federal. O evento foi proposto pela presidente da comissão, deputada Iriny Lopes (PT-ES), e pelo deputado Pedro Wilson (PT-GO).




FONTE: Agêcia Câmara

DATA: 07/05/2010

Ética na TV

Que maravilha de discurso...



Falta, ao sul do Mampituba, alguém com os culhões da Dep.Cidinha Campos que denuncia a bandidagem legislativa do Rio de Janeiro, para denunciar as falcatruas dos canalhas e ladrões sul-mampitubenses!

Amanhã, 10 de Maio, será lançado o SUL21...


O jornal virtual Sul 21 será lançado oficialmente segunda-feira à noite, às 19 horas, no clube Veleiros do Sul (Av. do Guaíba, 2941). O novo veículo de comunicação nasce com várias características inéditas. As edições diárias entrarão na rede sempre às seis da manhã com uma matéria especial que será tema de debate ao longo do dia. As imagens (foto e vídeo) e o humor terão um lugar de destaque, como todos poderão constatar. O mesmo vale para a colaboração. Alguns dos principais blogueiros do RS farão parte da equipe do Sul 21 que contará também com a participação de leitores e de colunistas convidados. A editora do site será a jornalista Vera Spolidoro, que também assinará uma coluna política diária. Essas são algumas das novidades. As outras serão conhecidas nos próximos dias.

Os conceitos básicos que orientarão a linha editorial e o posicionamento do Sul 21 são os seguintes: foco predominante em temas políticos (entendendo a Política aí com “P” maiúsculo); qualidade da informação; busca de rigor na análise; postura crítica frente às desigualdades; permanente busca de diálogo, pluralidade e interatividade. O Sul 21 será um veículo de comunicação baseado em novas mídias colaborativas da Internet 2.0. O foco do jornal será a discussão sobre questões relevantes para o desenvolvimento da sociedade no Século 21, especialmente política e cultura, através de um olhar crítico em relação aos significados trabalhados pela mídia tradicional. Disputará qualidade e referência política, a partir de uma abordagem com humor, inteligência e colaboração.

Cada povo tem o TCE que merece. Nós temos o nosso!



Está faltando uma dessa na Assembleia do Rio Grande do Sul!